Estágio, uma boa opção?



A maioria das grandes empresas oferece hoje programas de estágio nas mais diversas áreas. Os programas de estágio são oportunidades para os jovens iniciarem uma carreira profissional, se ambientando aos poucos com o mundo corporativo.

Fazer um estágio significa oportunidade de aprender, na prática, o trabalho que muitas vezes o jovem aprende só na teoria. Existem estágios nos mais diversos setores, desde dentro de escritórios até estágios de campo, quando a profissão assim o exige.

O problema é apenas o modo como muitas empresas enxergam o jovem estudante. Para a maioria dos funcionários, quando se deparam com um estagiário, ele é tido como um "faz-tudo". E não é essa a função de um estágio.

O jovem acaba por aceitar toda ordem que lhe é repassada, até por pessoas que não estão diretamente envolvidas no processo, com medo de ser taxado de preguiçoso. Muitas empresas abusam da boa-fé dos jovens estagiários, colocando-os para realizar tarefas que deviam ser executadas por um profissional contratado.

Claro, para a empresa o estagiário é muito mais barato e não tem o vínculo empregatício de um funcionário contratado. Fazer um estágio não é chegar na empresa e fazer todo o trabalho que outra pessoa seria responsável. Fazer um estágio é um complemento do que se aprende no estudo.





Um bom programa de estágio deve oferecer um horário de aprendizado ao jovem, alinhado com algumas horas de prática laboral. Além disso, deve oferecer vale-transporte, vale-alimentação quando acima de seis horas diárias e uma remuneração.

O CIEE é uma das empresas que faz a intermediação entre interessados em vaga de estágio e as empresas interessadas nesse tipo de programa. Existem muitas empresas sérias que realmente formam excelentes profissionais e os que se destacam são absorvidos pelas próprias empresas, onde desenvolvem verdadeiras carreiras de sucesso.

Não são poucos os relatos de profissionais que iniciaram suas carreiras através de programas de estágio. Veja na sua cidade as empresas que oferecem essa oportunidade ou informe-se no CIEE as empresas que aderem ao programa.

Por Luciana Viturino



Compartilhe esta notícia