Vagas de estágio abertas na EBC



Está aberto o processo seletivo da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). O processo de seleção da empresa visa à contratação de estagiários para as unidades da companhia no Rio de Janeiro e em São Paulo

Foi aberto na última segunda- feira, 6 de outubro, o período para se inscrever no processo de seleção que tem o intuito de contratar novos estagiários. São poucas vagas para início imediato, sendo a maior parte para a formação de cadastro reserva.  

O Processo Seletivo Simplificado estará avaliando estudantes de vários níveis de escolaridade (médio, técnico e superior). Quem quiser participar do processo seletivo precisará efetuar a sua inscrição através do endereço eletrônico do CIEE (www.ciee.org.br) até o dia 17 de outubro.

Nesta oportunidade a EBC  Rio de Janeiro oferece vaga somente para o curso de Técnico em Informática, já para nível superior está sendo formado unicamente cadastro reserva e poderão participar deste cadastro alunos dos cursos de Direito e Arquivologia.

Já em São Paulo há vagas para estudantes de nível médio e formação de cadastro reserva para estudantes do curso Técnico em Informática.  





O valor da bolsa-auxílio é de R$ 600,00 para estudantes da graduação, R$ 400,00 para estudantes de ensino médio e R$ 500,00 para alunos de cursos técnicos. A carga horária semanal de estágio é de 20 horas.

Os aprovados no processo de seleção assinarão um contrato com duração mínima de seis meses e máxima de dois anos. Além da bolsa-auxilio, os estudantes terão direito a um auxilio transporte no valor de R$ 6 por dia.

Para participar do processo seletivo o interessado deverá possuir idade mínima de 16 anos, estar devidamente matriculado no curso da vaga desejada, contudo, o aluno não deverá estar cursando o último semestre.

A seleção dos candidatos será feita mediante uma avaliação do tipo objetiva, ainda não se sabe ao certo a data de aplicação, mas a previsão é que ela seja aplicada no dia 21 de outubro na cidade de São Paulo e no dia 31 de outubro no Rio de Janeiro.

Por Melina Menezes



Compartilhe esta notícia