Vagas de estágio nos Correios-SC



Mais uma oportunidade para estudantes de diferentes níveis de escolaridade que queiram ingressar no mercado de trabalho na condição de estagiário. Trata-se dos editais lançados pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), por intermédio da Diretoria Regional de Santa Catarina. O edital n° 154/2014 de processo seletivo irá selecionar estagiários (nível médio e técnico incompleto) e o edital n° 155/2014 selecionará estudantes de nível superior incompleto de diferentes cursos.

Será concedida bolsa-auxílio nos valores de R$ 630,90 para estagiários de nível médio e técnico e R$ 768,91 para os de nível superior. Ao todo são 11 vagas mais formação de cadastro de reserva para estagiários que cumprirão jornadas semanais de 20 horas. Do total de vagas oferecidas e das que vierem a surgir, 10% são destinadas aos candidatos portadores de necessidades especiais, desde que as atribuições do cargo sejam compatíveis com as limitações do candidato aprovado.

Os estudantes interessados no processo seletivo deverão preencher o requerimento de inscrição no site dos Correios: www.correios.com.br, entre os dias 20 de outubro a 3 de novembro de 2014. Depois de preencher o requerimento, o candidato deverá entregar pessoalmente na Gerência de Recursos Humanos dos Correios/DR/SC, que fica na Rua Romeu José Vieira, 90 – Bloco “B”, 5º andar – Bairro Nossa Senhora do Rosário (Floresta) – 88110-911 São José/SC ou encaminhar para o e-mail scrh@correios.com.br.





A seleção se dará em duas etapas, sendo a primeira composta de análise curricular (classificatória e eliminatória) e análise de documentos (eliminatória). Se for necessário, os candidatos serão entrevistados. A data prevista para a divulgação do resultado final ainda não foi definida, no site dos Correios.

A seleção terá a validade de 6 meses, a contar a partir da data de divulgação da lista de aprovados, podendo ser prorrogado uma única vez por mais 6 meses, a critério da área de Gestão de Pessoas/Recursos Humanos da ECT. 

Por Robson Quirino de Moraes



Compartilhe esta notícia